1 0 0

DIAS PARA O CARNAVAL!

Filipe Araújo

Dia das Baianas

Neste sábado (25) é comemorado o Dia Estadual das Tias Baianas da Escolas de Samba de São Paulo

25/11/2017 Redação Liga SP - Foto: Filipe Araújo
Neste sábado, 25 de novembro, é comemorado o Dia Nacional da Baiana de Acarajé. Em São Paulo, é o Dia Estadual das Tias Baianas de Escola de Samba. Essas figuras simpáticas estão presentes em todos os desfiles de Carnaval. Mas você sabe qual a origem da ala das baianas?
 
A história das baianas no Carnaval vem do início do século XX. Era naquela época, quando o samba ainda era marginalizado, que as chamadas "tias baianas" abrigavam os sambistas em suas casas para que não fossem detidos. Essas tias eram senhoras negras, muitas originárias da Bahia.
 
Elas passaram a ser homenageadas nos desfiles do Rio de Janeiro na década de 1930. Quando o Carnaval foi oficializado em São Paulo, a ala das baianas já era obrigatória, apesar de não contar pontos na apuração. Atualmente, as baianas são avaliadas por suas fantasias, mas elas não entram nos quesitos evolução e harmonia.
 
No Carnaval paulistano, cada escola é obrigada a desfilar com uma quantidade mínima de baianas. No Grupo Especial, são pelo menos 50 integrantes nesta ala. Nos Grupos de Acesso, 30. Embora já tenha sido diferente no passado, hoje em dia só são aceitas mulheres.