Comunicação LIGASP

Escolas do Grupo de Acesso 1 festejam lançamento do CD oficial 2019

Ansiedade e alegria estiveram presentes no mini desfile realizado pelas oito escolas do Acesso 1, que marcaram presença no lançamento do CD de 2019

03/12/2018 Redação Liga SP - Foto: Comunicação LIGASP

Uma previa, um esquenta, um aperitivo; assim podemos definir a apresentação das oito escolas que integram o Grupo de Acesso 1 do Carnaval de São Paulo, na noite deste sábado (01).

O evento que marcou o lançamento do CD Sambas de Enredo 2019, aconteceu na Fábrica do Samba e teve apresentação das escolas Mocidade Unida da Mooca, Independente Tricolor, Barroca Zona Sul, Nenê de Vila Matilde, Leandro de Itaquera, Camisa Verde e Branco, Unidos do Peruche e Pérola Negra, além das agremiações que integram o Grupo de Acesso 2, e o Grupo Especial.

Empolgando a torcida presente, a Mocidade Unida da Mooca abrir a noite de festa para o Grupo de Acesso 1, e o presidente Rafael Falanga, foi categórico ao afirmar que sua felicidade era a forma mais transparente de expressar a luta de muitas pessoas em colocar a escola no lugar que hoje ela ocupa. “Essa apresentação hoje representa a garra de muita gente, a luta de uma comunidade que conseguiu se unir em prol de um único objetivo. Estar aqui é um privilégio, e eu asseguro, podem esperar um grande desfile da MUM”, reafirmou.

Recém-chegada ao Grupo de Acesso 1, a Independente Tricolor só tem um desejo para 2019, retornar a elite do Carnaval de São Paulo, e para isso, não mede esforços, é o que afirma o Presidente do Conselho da agremiação, Danilo Zamboni. “A Independente lavou a alma literalmente nessa apresentação. Nossa comunidade está confiante e como diz o nosso próprio samba-enredo, vamos renascer das cinzas, e voltar à elite do Carnaval de São Paulo”, argumenta.

Conhecida como a Faculdade do Samba, a Barroca Zona Sul foi a terceira escola a realizar a sua apresentação e para o presidente da agremiação, Ewerton Rodrigo, o Cebolinha, esse mini Carnaval foi maravilhoso, mesmo embaixo de muita chuva. “A comunidade estava muito feliz e abraçou de vez todos os projetos que nos engajamos rumo ao Carnaval 2019, nossa expectativa é muito positiva para realizar um desfile histórico, digno da nossa escola”, afirmou.

Ciente da importância que tem o peso da sua agremiação que em 2019 completa 70 anos de história, o presidente da Nenê de Vila Matilde, Rinaldo de Andrade, o Mantega reafirmou a importância de gritar para o mundo que sua escola está mais viva do que nunca. “Esperem, com todo respeito, a Nenê tem uma chama guardada dentro do peito e vai surpreender em seu desfile. A minha expectativa é a melhor possível, queremos contagiar o nosso povo e todos os jurados, todas as nossas alas estão se preparando com muito amor”, declarou.

Tradicional no Carnaval de São Paulo, o Mestre de Bateria da Leandro de Itaquera, Pelé, saiu da pista com o gostinho de quero mais. “Foi muito rápido, quando percebi já havia acabado, saio com a sensação de que o tempo voou, mas a minha comunidade é isso aí, faça chuva ou faça sol, Leandro de Itaquera não foge da raia. Itaquera é uma cidade e a gente não se intimida, estamos prontos para realizar um belo desfile no Anhembi”, concluiu.

Para o primeiro casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira da escola de samba Camisa Verde e Branco, Gabriel Vullen e Joice Prado é uma honra representar o pavilhão da escola pelo primeiro ano. “É uma grande responsabilidade, estamos há poucos meses juntos e sabemos que temos uma missão bem difícil, o fato de termos que trazer a nota para uma escola que tem tantas histórias e títulos no Carnaval de São Paulo só aumenta o nosso desafio, todos queremos retornar ao Grupo Especial do Carnaval de São Paulo, e vamos em busca desse objetivo”, comentou.

Penúltima escola a realizar a sua apresentação, a Unidos do Peruche, sob o comando do Mestre de Bateria Call, reiterou a importância que o evento tem para todas as agremiações e em especial a sua. “Estou muito satisfeito com a nossa apresentação de hoje, fizemos uma previa do que apresentaremos lá no Anhembi, dia 03 de março. Os ritmistas e a nação peruchiana está se preparando muito para o Carnaval 2019, aqui pareceu um intensivo, importantíssimo, até porque as 34 agremiações estão juntas, isso é ótimo”, comemorou.

Mesmo com a chuva que vem castigando a cidade de São Paulo nos últimos dias e afetou diretamente o barracão da Pérola Negra, a comunidade de Vila Madalena não esmorece, e segundo a diretora de Carnaval, Giovana Mônaco, segue demosntrando muita confiança no trabalho que vem sendo realizado pela diretoria. “Nosso Carnaval se resume em superação, temos muita fé em Deus e queremos retornar para o Grupo Especial. A Pérola Negra vem se esforçando muito para surpreender nesse Carnaval 2019”, finalizou.

O CD Sambas de Enredo Carnaval SP 2019, com gravação ao vivo aconteceu entre os dias 28 de setembro e 08 de outubro de 2018, na Fábrica do Samba, com produção da Liga SP, co-produção, direção técnica e gravação de Rodrigo Pimentel, da RW Studios, e produção artística de Marcelo Casa Nossa.

O CD Sambas de Enredo Carnaval SP 2019, do Grupo de Acesso 2, com as composições dos sambas das 12 agremiações foi gravado em estúdio no mês de novembro e contou com o envolvimento dos mesmos profissionais.

O álbum duplo com os sambas dos grupos Especial e Acesso 1, e o CD do Acesso 2, serão comercializados em todas as lojas físicas, com preço sugerido de R$25 e R$10. Haverá também distribuição nos próximos dias nas plataformas digitais: Spotify, Rdio, iTunes e Google Play.