0 5 2

DIAS PARA O CARNAVAL!

GARANTA SEU
INGRESSO!

Gaviões da Fiel

Ficha técnica

Fundação: 01/07/1969

Cores Oficiais: Preto e  branco

Presidente: Rodrigo Fonseca (Diguinho)

Vice:  Rodrigo Gonzáles Tapia  (Digão)

Carnavalesco:  Sidnei França

Diretor de Bateria:  Mestre Ciro Castilho

Diretor de Carnaval:  Wagner da Costa e Marcio R. de Souza

Diretores de Harmonia: Regina Dercoli, Ricardo Amorim, Jorge Setin, Rogério Lencione, Maicon Oliveira e Wilton Ferreira

Rainha de Bateria: Tatiana Minerato

Madrinha da Escola:  Sabrina Sato

Enredo 2018:  "Guarus - Na aurora da criação, a profecia tupi... Prosperidade e paz aos mensageiros de Rudá"

Intérprete: Ernesto Teixeira

Melhor colocação no Grupo Especial: 4 títulos (1995, 1999, 2002 e 2003)

Texto Destaque

A história da Gaviões no Carnaval começou em 1975, como bloco. Em 1989, o grupo foi convidado a integrar a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo e conquistou quatro títulos no Grupo Especial.
 
O primeiro deles foi com o eterno enredo "Coisa boa é pra sempre", um dos mais famosos da história do Carnaval paulistano.
 
Em 2018, a Gaviões irá desfilar cantando "Guarus - Na aurora da criação, a profecia tupi... Prosperidade e paz aos mensageiros de Rudá". A agremiação será a quinta a se apresentar no dia 10 de fevereiro, segundo dia de desfiles.

Nossa história

Maior torcida organizada do Corinthians, a Gaviões da Fiel foi criada em 1969. Mas, já em 1975, foram feitos planos para iniciar a história no Carnaval paulistano. Ângelo Fasanelo, um dos sócios, percebeu que muitos corintianos se dispersavam para desfilar em outras entidades e fundou o bloco Gaviões da Fiel, que participou do último desfile de carnaval realizado na Avenida São João. No ano seguinte, o bloco conquistava seu primeiro título com o enredo “Vai, Corinthians”.
 
A partir daí estabeleceu-se uma hegemonia e a conquista de 12 títulos em 13 possíveis chamou a atenção da recém-criada Liga das Escolas de Samba de São Paulo. Convidado para desfilar no Grupo de Acesso do Carnaval, estava criado ali o Grêmio Recreativo Cultural e Escola de Samba Gaviões da Fiel Torcida.
 
Já no primeiro desfile, em 1989, a Gaviões ficou com o vice-campeonato e subiu para o Grupo Especial. Um dos grandes momentos da escola foi em 1995, quando ganhou seu primeiro título na elite do samba com o enredo “Coisa boa é para sempre”, que se tornou um dos mais famosos da história do Carnaval paulistano. A partir daí, a agremiação se posicionou entre as melhores Escolas de Samba de São Paulo, sendo também a maior em número de componentes. Ganhou ainda outros três títulos, em 1999, 2002 e 2003.
 
Hoje, a Gaviões da Fiel é referência também entre as escolas de samba de São Paulo e a cada ano se aperfeiçoa, buscando profissionais de diversas partes do Brasil para apresentar na avenida um Carnaval inovador, sem que para isso precise abandonar a ideologia de 44 anos atrás.

Últimas notícias